sábado, 5 de março de 2016

Primeiras impressões: Spettacolo - Rafaela Papini

Editora: Arwen
Ano: 2015
ISBN: 9788568255254
Páginas: 50 de 327

"(...)A única coisa que poderia ser considerada rotineira na vida circense era a mudança."

Depois de ler os primeiros capítulos do livro enviados pela autora, fiquei encantada com a atmosfera mágica do circo que ela conseguiu criar. Me interessei logo de primeira justamente por nunca ter lido algo que remetesse ao circo. E nada melhor do que um nacional com uma premissa diferente, não é?!
Somos apresentados a Hiram, o Dragão, um dos circenses. Tudo o que sabemos é que ele perdeu a mãe em um acidente, um incêndio, e desde então os sorrisos da platéia não são suficientes para preencher o vazio em seu peito.

"Era estranho fazer as pessoas sentirem-se felizes e ele mesmo não estar assim, tirar a maquiagem ao fim de cada dia e livrar-se assim tão facilmente da magia do circo."

Conhecemos Malu, uma garota que se acostumou com seu namoro de três anos e não se permite sair da zona de conforto, embora sua melhor amiga, Kátia, sempre tente tirá-la de lá.

"O cheiro do álcool, do fogo consumindo a tocha, o calor crescente que lhe atingia o corpo e que ao invés de o ferir, o fazia arder em chamas também."

O que acontece depois é previsível e parece uma fanfic mais trabalhada, isso me deixou um pouco com o pé atrás. Acontece o que você, leitor, já deve imaginar. Malu e Hiram trocam olhares e, de certa forma, se apaixonam, durante uma apresentação de circo. 

"Tomou um banho rápido e, enquanto deixava a água escorrer por seus ombros, desejou que ela levasse pelo ralo também toda a frustração que estava sentindo."

Apesar do ponto negativo, não me fez tirar a vontade de ler a obra inteira, já que ainda há muitos segredos ali no meio que pretendo descobrir e a atmosfera do circo me encantou. Apesar do romance previsível que eu geralmente não gosto, algo me diz que vou gostar da história em geral. 
Parece ser um livro gostoso de ler - li muito rápido os primeiros capítulos, alias - e que diverte, preenche aquela tarde tediosa de domingo, sabe?

Nenhum comentário:

Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo