domingo, 20 de março de 2016

[FILME] A Bruxa

A Bruxa narra a história de uma família que, por agirem de mal acordo com a fé religiosa, são expulsos da colônia em que moravam e passam a habitar um local praticamente abandonado cercado por uma floresta. Lá, constroem uma espécie de fazenda enquanto as relações entre eles começam a desmoronar. 
Tudo começa quando Thomasin, a filha mais velha, vai brincar com seu irmão bebê, Sam. De repente, ele desaparece. Foi levado por alguém encapuzado para a floresta. Com isso, a mãe fica em um estado decadente de depressão. Uma família de extremistas religiosos que acabam por se auto afligir por cometerem pecados naturais do ser-humano. Creio que o foco da obra seja esse, aliás, e não tão somente o culto às bruxas.
Outros fatores começam a se desencadear e Thomasin passa a ser a principal culpada por sua família. Logo, tudo se transforma em caos e a tensão só amenta a cada instante. 
Quando o filme terminou, ouvi muitos comentários que diziam "que bosta", "não acredito que gastei pra ver isso". Tenho uma resposta. Essas pessoas estavam procurando um filme de terror com sustos, desses que todos estão acostumados. Então já aviso, esse não é um longa comum. Fiquei com medo? Acho que a palavra não é medo, mas desconforto, algo que não sei explicar. 
A Bruxa é um filme extremamente inteligente com diversas críticas intrínsecas a ele. Algo que pretende revolucionar o terror com que estamos acostumados, trazendo algo muito mais psicológico que um simples susto. E, na minha opinião, algo que mexe com o seu psicológico pode te dar muito mais medo do que um grito de dez segundos, se é isso que a maioria procura. assistir de novo em breve e criar novas teorias - quem sabe eu não divido alguma com vocês? 

2 comentários:

  1. Ouvi algumas pessoas falando meio mal desse filme. Mas achei interessante seu comentário, talvez não era bem o que as pessoas esperavam.
    Eu não gosto muito de terror, mas legal saber que não é muito terror.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Pois é, muitas pessoas falaram mal. A questão é que o terror do filme é justamente mais psicológico. Acho que você pode gostar sim se der uma chance!
      Beijos!

      Excluir

Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo