segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Ano novo, fase nova, ciclo novo, tudo novo (de novo)


Depois de alguns dias pensando no que escrever nesse texto, resolvi deixar que minhas mãos me guiem. Esse é o começo de um novo ano e, dessa vez, não quero criar uma lista com metas no começo dele, acho que irei defini-las ao longo dos acontecimentos e tentar as cumprir o mais rápido possível. Pois é, 2016 é um ano diferente pra mim, absolutamente nada a ver com a correria do ano passado - bom, pelo menos eu acho. É o ano em que começarei uma nova fase da minha vida: a faculdade.
Sim, estou com bastante medo do primeiro dia. Entrar em um ambiente que você nem conhece, com pessoas completamente novas na sua vida, mas vou deixar acontecer naturalmente. O que mais tenho definido é quanto a minha vida. Quanto a amizades, pessoas, seres-humanos. 
Pessoas entram e saem das nossas vidas o tempo inteiro. Porém, sempre há aquele alguém que você pensou que nunca mudaria. E então, ela muda - ou a máscara cai? A questão é que nem sempre aquela pessoa se importa com você da mesma maneira. Essas, eu pretendo tirar da minha vida. Quero começar de novo, do zero. Ou soma, ou some. 
E quanto ao ano em si, não sei o que esperar, acho que 2016 será cheio de surpresas, agradáveis e não agradáveis, então vamos ver o que me aguarda. Mas aqui vai um recado para você, leitor infinito, este que minha melhor amiga me deu e eu pensei "não é que tem que ser assim, mesmo?".
Não diga "Que 2016 me surpreenda, que 2016 seja ótimo", quem faz o ano somos nós. Levante a cabeça. Seque as lágrimas do ano anterior. Coloque um sorriso verdadeiro no rosto depois de olhar para a sua volta. E comece. Se precisar, comece de novo. Ame a si. Ame muito. Ame primeiramente a si. E isso não é egoísmo, é amor próprio. Então eu não vou dizer: Que venha 2016! Terminarei esse texto pronunciando outras palavras:
2016, se prepara que eu tô chegando! 

PS: Sei que nos últimos dias dei uma abandonada no blog, mas existe uma coisa chamada série e uma vida social que de repente resolveu aparecer, então estava curtindo esses pequenos momentos da vida. Mas fiquem tranquilos que eu voltei e já estou pensando em muitas coisas novas para esse ano, inclusive a volta do canal! Será?! 

Nenhum comentário:

Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo