terça-feira, 2 de junho de 2015

Resenha: A playlist de Hayden - Michelle Falkoff




Editora: Novo conceito
Ano: 2015 
ISBN: 9788581637044
Páginas: 288

Achei que ele estivesse dormindo. Mas estava. Para sempre. 

Hayden e Sam são melhores amigos. Eram, na verdade. Os dois costumavam ir a uma loja cheia de coisas geeks, jogar um jogo de magos e muita fantasia e dar suporte um ao outro, enquanto eram atormentados por um grupo de garotos apelidados de a trifeta do bullying. Houve uma festa. Uma briga. Uma morte. Quando Sam chegou no quarto de Hayden, pensou que o amigo estivesse apenas em mais um sono profundo. Mas ele estava morto. Havia ali um papel. "Ouça. Você vai entender." E assim inicia-se a história de Sam, Hayden e como tudo aquilo aconteceu. O amigo precisa ouvir a playlist para entender tudo, mas será que é mesmo compreensível?!

"Isso me deixou furioso, ver todos eles sentados ali, agindo como se estivessem tristes, quando tudo aquilo foi pelo menos em parte culpa deles. Como era possível eu me sentir tão deslocado no funeral do meu melhor amigo?"

A playlist de Hayden é, acima de tudo, um livro sobre amizade. No fim das contas, a playlist acaba sendo mais um plano de fundo para a história de Sam, o que me decepcionou um pouco. Esperava um livro tocante, que me fizesse refletir, mergulhar na história e até chorar. Mas infelizmente, não foi isso que encontrei. A história tem como foco principal o Hayden, é claro. Porém, senti que isso era só uma premissa para o resto. O ponto negativo do livro é justamente esse, a superficialidade e a fuga do assunto principal. Quando entro em um novo universo, gosto de me identificar com os personagens, sentir o que eles sentem, mas dessa vez apenas li, como mera espectadora.


Mas é claro, existem os pontos positivos. Vamos começar pelo fator romance. Ao decorrer do livro, conhecemos Astrid, uma garota nada convencional, pela qual Hayden acaba se apaixonando. "Mas Bia, você não gosta de romances melosos, como você está dizendo que foi um ponto positivo?" É um romance diferente. Por mais clichê que seja em alguns momentos, a autora conseguiu nos mostrar outra visão. Tem muito mais amizade e compreensão ali que momentos fofos e apelativos. Além disso, no fim das contas, algo acontece com esse romance, o que me deixou muito feliz e o toque de realidade que o livro estava precisando.

"Eu estava mais intrigado com os aspectos obscuros do jogo. Eu meio que gostava de ser um cara mau em um mundo onde ninguém sabia quem eu era e não havia consequências."

Outra coisa que preciso ressaltar é o fator vingança e raiva. Sam sente muita raiva pelo que aconteceu, claro. Assim como Astrid e outras pessoas. Episódios começam a acontecer com a trifeta do bullying. Vingança. Eis o ponto. A autora questiona justamente isso. Por mais que estejamos com raiva, será que vale a pena mesmo se vingar?! Será que você está fazendo isso por seu amigo ou por si mesmo?! Não responderei as perguntas, vou deixar pra que vocês mesmos pensem e reflitam. 
E pra terminar, tem uma coisa que também me irritou um pouco. A autora da um jeito de colocar um suspense envolvendo "fantasmas" no meio do livro, o que foi um tanto quanto desnecessário, pois não fazia muito sentido ali, sabe? Nem foi tão bem trabalhado.

"(...) Creio que a gente precisa se preocupar com quem está vivo agora. Os mortos vive nas nossas lembranças. E nos nossos sonhos."

Em conclusão, vale a pena ler A playlist de Hayden? Sim, vale a pena! Porém, não espere uma história de arrebatar corações, espere apenas um livro gostoso de ler sobre amizade e outras coisas da vida. A premissa poderia ter sido melhor trabalhada - principalmente quanto a playlist e ao bullying -, mas isso não faz que o livro seja desmerecido, afinal, é um livro bom.

                 

14 comentários:

  1. As pessos tem falado bem desse livro, mas confesso que não me interessou nem um pouco então não sei se leria
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Renata!!
      É um livro bom, mas como disse na resenha, não vai fazer o coração dar cambalhotas, é mais uma leitura gostosa de se fazer mesmo.
      Se você quiser dar uma chance, é esse conselho que te dou, vá com essa mentalidade de uma leitura gostosinha sobre amizade!
      Beijos!

      Excluir
  2. Olá Beatriz! O livro parece ser algo diferente do que estamos acostumados a ver nesses "dramas adolescentes", mas pelo o que vi na sua resenha ele parece ser mal aproveitado mesmo :(. Parabéns pela resenha! Deu pra entender certinho os dois lados do livro :).
    Beijos, Helo.

    http://anneandcia.blogspot.com.br/2015/06/top-5-livros-favoritos-da-helo.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Heloisa!! É diferente sim em certo aspecto, mas com certeza poderia ter sido mais aprofundado, sabe?!
      Muito obrigada, que bom que deu pra entender!! haha :D
      Beijoos!!

      Excluir
  3. Oii querida, tudo bem?
    Tenho esse livro aqui em casa e será minha próxima leitura, estou muito curiosa para iniciar, sua resenha ficou boa e detalhada, só espero que não me decepcione hehe
    Fique com Deus!
    www.doceliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi!
      Leia sim, é bom ter váaaarios pontos de vista!! Depois me conta o que você achou?
      Beijos!!

      Excluir
  4. Oi, tudo bem?
    Eu li a amostra que a novo conceito me mandou e percebi que apesar de ser uma história legal de ler o livro não é nada demais, e nas 90 páginas que li não me senti envolvida com a história. Já estou com ele aqui em casa e irei ler em breve, espero gostar, mas não estou criando muitas expectativas!

    Beijo :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Maiara!!
      Exatamente isso, o livro é legal, mas não é algo memorável, né?! Depois de ler me conta o que achou!!
      Beijos!

      Excluir
  5. Oi Tris,
    Eu esperava tão mais desse livro. Os pontos negativos que você citou nem foram os que me incomodaram. Fiquei mais frustrada com o final mesmo :/ CARA QUE ÓDIO DAQUELE FINAL.
    Eu queria uma maior conexão entre a playlist e a história também, mas não rolou. Esse livro me deixou com um gostinho de decepção, infelizmente.

    Beijos,
    Mari Siqueira
    http://loveloversblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari!!
      Sério? Fiquei curiosa pra saber o que te incomodou. Eu gostei do final no quesito romance, mas a parte da playlist foi meio broxante..
      É, realmente, essa conexão não rolou!
      Só não foi uma total decepção porque pelo menos foi uma leitura boa de se fazer!!
      Beijos!

      Excluir
  6. Olha eu sinceramente nem estou tão ansiosa para ler esse livro e nem a Mais Pura verdade, porque como acabou virando meio que ''moda'' entre os Blogs literários eu acabei desanimando. Acho até que vou ler um pouco mais pra frente viu? Mas gostei bastante do seu ponto de vista e gostei da sua sinceridade ao dizer que o livro não é tudo aquilo. É bom, porque se não a gente vai com alta expectativa e acaba se decepcionando. Outra coisa, tenho que confessar que não li sua resenha toda, pois ainda quero ler o livro, mas gostei das suas considerações =]

    Vou linkar o seu blog no meu para que eu possa sempre estar te visitando
    beijinhos

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/06/resenha-consultora-teen.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, entendo o seu ponto de vista, acho que vale a pena ler mais pra frente sim, mas leia sem expectativas de ser um livro que vai mudar a sua vida!
      Fico feliz que tenha gostado! É, realmente, a decepção é ainda maior quando se vai com muita sede ao pote!
      Beijos e obrigada!

      Excluir
  7. Estava completamente animada pra ler esse livro, simplesmente porque 90% dos blogs estava falando mega bem dele. Agora, lendo a sua resenha, eu realmente estou com receio de não gostar tanto quanto eu estou esperando.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Débora!
      Olha, acho que você pode dar uma chance sim, só não vá com essa grande expectativa, porque aí será decepção na certa. Mas leia como um livro legal, gostosinho de ler e tal!
      Beijos!

      Excluir

Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo